especial aniversário

Confiram o texto da Leninha do Sempre Romântica

Querida Nora Roberts,

Acredito que agora já posso chamá-la assim, mas devo confessar — de forma acanhada—, que tinha muito receio de ler os seus livros. Eu vinha de um histórico não tão positivo, pois o único livro seu que havia lido, tinha sido de certa maneira, decepcionante, e depois disso criei um bloqueio em relação a tudo que se referia à sua pessoa.

Estou certa agora que comecei realmente com o pé esquerdo, e que devo apagar da memória esse pequeno contratempo.

A senhora tem muitas fãs, e alguns deles não me deixaram desistir, acredito que eu apenas precisava ler algo que tratasse esse meu medo, que curasse minha cisma, já que minha primeira escolha havia sido totalmente errada.

Foi então, depois de muita pesquisa e debates intermináveis que chegamos a um veredito, e o livro escolhido foi: “Arrebatado pelo mar” da Trilogia da Gratidão. Na percepção das amigas se eu não gostasse desse, poderia desistir de tentar ler seus livros, por que realmente o problema seria comigo.

E agora nessas minhas breves palavras só tenho a agradecer, não só às meninas, mas principalmente à senhora, por ter escrito um livro tão envolvente e que me fez, finalmente, apaixonar-me por sua escrita.

Depois de me encantar com essa trilogia maravilhosa eis que me rendi à sua escrita e já se vão mais de 10 livros lidos e muito apreciados por mim.

Agradeço imensamente por ter se tornado uma das minhas escritoras preferidas e desculpe qualquer coisa!

E para mostrar que não ficou nenhum ressentimento, segue abaixo minha resenha de “Arrebatado pelo mar”, primeira experiência com seus livros.

Leninha!

Arrebatado pelo Mar

arrebatado pelo mar

Arrebatado pelo Mar foi uma grata surpresa. Eu imaginava que Nora Roberts escrevia sobre amores incondicionais, dilacerantes, mas pude perceber que sua escrita é bem mais que isso. Pelo menos aqui, o relacionamento familiar é o foco principal, seguido por um romance leve e emocional.

Cameron é um dos três irmãos Quinn, de uma família nada comum. Ray e Stella Quinn adotaram 3 garotos problemáticos e os transformaram em homens honrados, fortes e acima de tudo com uma visão familiar inabalável.

Apesar das brigas entre eles, o laço que os une é quase inquebrantável. E partindo daí, uma promessa feita no leito de morte de Ray os torna ainda mais unidos.

Para Cameron essa promessa era mais que uma missão, e cuidar de Seth, um garoto de 10 anos, problemático, traumatizado e inalcançável, era mais que uma questão de honra.

Surge então um livro com uma história leve, muito bem escrita, com pitadas de humor e que mantém o foco central sempre em destaque, sem no entanto, abandonar o romance.

Durante o desenrolar da trama temos também a visão da vida dos outros irmãos, Phillip e Ethan, que serão tratados nos livros seguintes da série.

Aventurar-me pelas páginas desse livro foi mais que gratificante, foi maravilhoso. Nora Roberts realmente tem o dom de prender o leitor, com um fio condutor que liga toda a série e amarra toda a trama.

Enfim…Trauma resolvido, drama superado, eis que já me sinto agora preparada para recomendar!

Leiam, com a certeza de uma leitura mais que apaixonante, viciante!

 

Saiba mais sobre a Trilogia da Gratidão – aqui