Imitação Mortal é o 17˚livro da série Mortal publicado aqui no Brasil. E foi lançado, agora, na Bienal do livro no RJ.

Publicado originalmente como Imitation in Death em setembro de 2003.

 

 

Nesta obra a Tenente Eve Dallas se depara com um assassino em série que copia os assassinos mais cruéis da história.

Sobre a história ( não é sinopse da editora)

O tórrido verão de 2059 está chegando ao fim quando um assassino faz a sua estréia . Um homem com uma capa e cartola se aproxima de uma mulher…

O corpo de uma prostituta é encontrado num beco em Chinatown com facadas e mutilado como nas vítimas de Jack , o estripador. Uma nota foi deixada para a tenente Dallas a convidando participar de seu jogo e descobrir sua identidade, assinado por “Jack”.

Ela e Peabody compilam uma lista de suspeitos, baseada na nota deixada à Eve, um papel especial,  mas se deparam com um problema, os suspeitos são pessoas com influência e poder e não querem cooperar. Por isso Eve tem de ser cuidadosa, mesmo depois de mais ataques onde o assassino imita então o estrangulador de Boston e Ted Bundy.

Além de lidar com esse caso difícil, Eve tem de lidar com o nervosismo de sua assistente , Peabody, que  está prestes a prestar seu exame para detetive e com Roarke que  teme pela vida de Eve , pois o assassino deixa claro que é pessoal suas intenções ao deixar as notas para Eve.

Ainda temos neste livro a viagem de Summerset ( lembra das promessas de Eve de usar vários cômodos da casa, além do quarto, para sexo com Roarke? ai ai ai) o que deixa a casa vazia para Eve e Roarke. Os outros personagens também tem presença garantida como a Dra Dimatto e Charles e vou contar mais uma coisinha, um spoiller bem pequenino, que é um churrasco na casa da Dra Mira, que leva Roarke a ter problemas em casa, depois ( acreditem, ele não é perfeito em tudo) kkkkk. Chega, pois senão eu que entro em uma lista de vítimas por aqui kkkk

Agora Eve está no rastro de um assassino que sabe tanto quanto ela sobre histórias de serial killers, e estudou os mais notórios e  alguns crimes dos mais cruéis e infames da história, e os está homenageando.

Mas ele quer deixar sua marca, e já escolheu sua vítima, a própria Eve.

Sinopse

Verão de 2059. Um homem usando capa preta, bengala e cartola se aproxima de uma prostituta em uma rua escura de Nova York. Minutos depois, a mulher está morta. Um bilhete é deixado na cena do crime, endereçado à tenente Eve Dallas, convidando-a a participar de um jogo de gato e rato a fim de descobrir a identidade do assassino. A assinatura no bilhete é, simplesmente, “Jack”.

Capa Original

See ya!

Rosana