Olá, hoje a Carla Blackhawk, autora do blog  Doida y Romântica vai nos contar um pouco sobre sua leitura de Nora Roberts

 

Família Mackade

São 4 livros, contando a história dos Irmãos Mackade: suas vidas, suas terras, seus medos e seus amores.

Basicamente as 4 histórias giram em torno da Batalha de Antietam, onde eles são levados a entender o que tanto sentem hoje o que passou naquela época. Também, principalmente nos 3 primeiros livros, a perseguição de Joe Dollin, ex marido de Cassie, que atormenta a vida de todos.

Quatro irmãos, quatro destinos. Tão ligados, tão enraizados e tão companheiros. Mas muito independentes.

O retorno de Rafe Mackade

Nem preciso explicar que Rafe é meu preferido. Talvez pelo seu jeito rebelde e displicente, ele conquistou meu pobre coraçãozinho apaixonado.

Ele era o filho rebelde que retornou ao lar. Empreiteiro, comprou a Mansão Barlow (que era mal assombrada) para reformar e transformar em hotel. Então conheceu Reagan. Certinha, elegante, chique e muito forte, balançou o coração de Rafe. Dona de uma loja de antiguidades, começaram a trabalhar juntos.

Foi uma história e tanto. Ponto alto: a cena da minissaia no bar do Duff e Shelley recitado.

O orgulho de Jared Mackade

Gosto do Jared. Apesar da teimosia, amo o jeito como ele trata o filho dela e a ela no livro. Logicamente depois de perceber que o que ela fez foi necessário. Bastava um pouco de confiança.

O mais velho dos irmãos, advogado, divorciado, Jared era um tanto orgulhoso. Conheceu Savannah (ex dançarina de boate, pintora de rua, com um filho pra criar, tudo aquilo que Jared não procura) e se apaixonou. Só que o passado dela o atormentava e Savannah não era uma figura doce nem fácil: era forte e decidida. Isso conflitou o relacionamento e foi mais que necessário uma dose de tolerância por ambas as partes.

Ponto alto: A cena dela devolvendo os pertences dele da forma mais inusitada possível.

O coração de Devin Mackade

Na verdade, deveria chamar-se A Paciência de Devin Mackade, porque, ne… Devin é muito do gostoso e simplesmente adorei a jogada de toalha com relação a Cassie. Xerife, apaixonado por Cassie desde sempre, lutou com todas as forças para ficar com ela. Cassie, divorciada depois de apanhar e muito do marido imbecil, 1 casal de filhos, recomeça sua vida em um ambiente mais tranqüilo. Entre as ameaças de Joe, ela luta pra dar uma vida confortável aos filhos e se entender com relação aos sentimentos por Devin.

Ponto alto: a cena no corredor da pousada com Devin e o acerto de contas dele com Joe, o ex marido idiota.

O despertar de Shane Mackade

Shane é um queridinho. O mais novo, o mais lindinho, o mais mais da mulherada. Sou apaixonada por ele…

Apaixonado pela terra e por sua fazenda, Shane é o mais reticente com relação ao passado e aos fantasmas que habitam nas suas terras. Até que Rebecca chega.

Psiquiatra, doutora, nerd e ingênua até certo ponto, Rebecca chega para desvendar os mistérios que cercam aquela família. Amiga de Reagan, se hospeda na fazenda pra tentar captar os fantasmas que por ali vagueiam.

Safado, Shane logo ataca. Ele tenta lidar com uma mulher complexa e inteligente; ela com um cara apaixonante, mas sem perspectivas de um futuro com alguém.

Ela bagunçou a vida dele. E a partir daí… Imagine só.

Ponto alto: a primeira vez deles; a visita de uma ex dele; a cena na lama e a cena final.

 

Conclusão: Amo o modo como eles interagem uns com os outros. As brigas (socos, pontapés, murros, etc) são de morrer de rir. O respeito de irmão pra irmão, as brincadeiras. O amor pelos pais já falecidos, pela terra. A entrega e rendição total pelo amor, a devoção.

As histórias são bem construídas e muito ligadas. Falar que da pra ler fora de ordem não seria coerente; são muito coladas. Fora que lendo a primeira, não vai deixar de querer ler as outras.

Nora Roberts conseguiu juntar mistério, drama e romance em doses certinhas nessa série. E é claro, 4 homens lindos, gostosos e seus faiscantes “sorriso Mackade”.

Parabéns, Nora! Vida longa e saúde!

Ro, muito obrigada pelo convite. Você é uma lady e mora no meu coração. Beijos!

 

Carla, a reciproca é verdadeira 🙂 E você esqueceu de contar que Blackhawk é por causa da Nora, vide livro Paixão Obscura

Amanhã tem mais!